Carregando...

Como conseguir o Auxílio Brasil

Publicidade

Mesmo estando disponível a algum tempo já, algumas pessoas não sabem como conseguir o Auxílio Brasil.

Por essa razão, neste post abordaremos como você pode conseguir o Auxílio Brasil e quais são os passos necessários.

Portanto, se você deseja saber como conseguir acesso ao Auxílio Brasil, leia o conteúdo até o final.

Publicidade
Como conseguir o Auxílio Brasil
App auxilio brasil (Imagem: Google)

O que é o Auxílio Brasil?

O Auxílio Brasil é um benefício social do governo federal, criado para ajudar as famílias que estão em situação de pobreza ou de extrema pobreza em todo o Brasil.

Assim, através do auxílio, o programa pretende levar essas famílias a conseguirem se manterem sozinhas e superarem situações de vulnerabilidade social.

O programa é pago pelo Ministério da Cidadania.

Publicidade

Como funciona o Auxílio Brasil?

O Auxílio Brasil é um programa formado por três benefícios sociais básicos, que são: benefício de primeira infância, composição familiar e superação de extrema pobreza.

Além dos benefícios básicos existem outros seis benefícios que ajudam a complementar a renda.

Os benefícios básicos podem também ser pagos todos a uma mesma família se assim permitir a composição do grupo.

Por que o Auxílio Brasil existe?

O Auxílio Brasil existe de forma geral para garantir a renda mínima para as pessoas que precisam.

Além disso, o programa ajuda no cuidado de crianças e adolescentes através de benefícios que auxiliam gestantes, crianças e adolescentes em situação de pobreza.

Por fim, o programa consegue alcançar o atendimento à população vulnerável em diversos locais, além de ajudar no desenvolvimento educacional, o que afeta na independência financeira.

Como conseguir o Auxílio Brasil

Para você conseguir o Auxílio Brasil é preciso, inicialmente, estar inscrito no Cadastro Único, pois é por meio deles que o governo irá avaliar os seus dados e determinar se você pode ou não participar de algum programa social.

Se você fez o seu cadastro, então está na hora de entender se os seus dados se encaixam no benefício do Auxílio Brasil.

Para conseguir o Auxílio Brasil a sua família precisa estar classificada em situação de extrema pobreza, situação de pobreza ou em alguma regra de emancipação.

– O que significa a regra de emancipação?

Diferentemente do que acontecia no Bolsa Família, o governo decidiu realizar o progresso de emancipação dentro do Auxílio Brasil.

Neste caso, pode acontecer de a família estar recebendo mais, ou seja, a renda por integrante aumentou ou passou a trabalhar com carteira registrado e o governo não retirar o benefício.

A ideia é que essas pessoas recebam até dois anos depois da atualização de dados para que elas consigam obter a independência financeira antes de deixar de receber o benefício.

– Como se cadastrar?

O que muitas pessoas não sabem é que não é possível se cadastrar diretamente no Benefício do Auxílio Brasil.

Para que você tenha a chance de fazer parte do programa é preciso estar inscrito no Cadastro Único.

Depois de feito o cadastro é preciso esperar ser selecionado para receber o programa em uma fila de espera.

– Como se inscrever no Cadastro Único?

Para que possa fazer parte do programa do Auxílio Brasil é preciso se inscrever no Cadastro Único e para isso é necessário ter, pelo menos, 16 anos ao procurar um CRAS ou outro ponto de atendimento.

Você pode também realizar um pré-cadastro pelo app do programa e depois tem o prazo de 120 dias para comparecer a um CRAS e finalizar o cadastro. O ideal é que o responsável familiar seja uma mulher.

Os documentos necessários para finalizar o cadastro é um comprovante de residência, além de certidão de nascimento e casamento, CPF, RG, Título de Eleitor e RANI para as pessoas indígenas.

Atualização de cadastro para receber o Auxílio Brasil

Muitas pessoas estão perdendo a chance de receber o Auxílio Brasil, pois, não tem os seus cadastros atualizados e para o governo, isso significa que você pode ser desclassificado do programa.

Portanto, é muito importante que você mantenha atualizado o seu cadastro em casos de mudanças na sua família.

As informações que devem ser atualizadas estão ligadas a nascimento e morte de alguém da família, saída de um membro do núcleo familiar, mudança de endereço, entrada, saída e mudança das crianças da escola e aumento ou diminuição de renda.

Quanto é o valor do Auxílio Brasil?

Mensalmente as famílias podem receber o valor de R$ 400,00 garantido pelo Benefício Extraordinário.

Atualmente, devido à pandemia do Coronavírus, as famílias estão recebendo o saldo de R$ 600,00.

Neste caso, o valor irá se manter até dezembro e depois retornará o valor de R$ 400,00.

Quais são as maneiras de receber?

Depois de cadastrado e confirmado o seu benefício, você pode receber o Auxílio Brasil em diversos locais, como na sua poupança Social Digital.

Além disso, você pode optar por receber o benefício em outros bancos caso queira, seja em conta-corrente especial ou tradicional.

Vale lembrar que só é possível sacar o benefício com o cartão do Auxílio Brasil.

Quando você pode receber o Auxílio Brasil?

O Auxílio Brasil é pago de acordo com um calendário, liberado pelo governo federal.

Neste caso, é preciso que você tenha o NIS – Número de Inscrição Social para verificar qual é a data que o seu benefício vai ser liberado.

É importante que fique atento a isso, pois, caso demore até a próxima data de recebimento do benefício ser resgatar o valor anterior, ele volta para o Governo.

Como você pode obter informações sobre o programa?

Para você saber se vai receber ou não o auxílio Brasil você ligar para o telefone 121 ou 111. O primeiro você fala no Ministério da Cidadania, enquanto que a segunda opção é a Central de atendimento da Caixa.

Por outro lado, caso não queira ligar, você pode utilizar o app do Auxílio Brasil, acessando com os dados do Caixa Tem ou acessar diretamente o Caixa Tem.

Você pode ir até um CRAS também para ter mais informações ou pedir auxílio na busca de dados a respeito do seu Auxílio Brasil.

Publicidade