Carregando...

Porque os Dinossauros Tinham Braços Curtos

Publicidade

Sem dúvidas, essa é uma das maiores curiosidades quando se trata de dinossauros. Pois, os tamanhos dos seus braços gera bastante dúvida de porque os dinossauros tinham braços tão pequenos. Desse modo, ao longo do tempo, essa questão passou a ser bastante debatida entre os pesquisadores. Afinal, chega a ser bastante intrigante, o fato de um animal com tamanho de 14 metros, crânio de 1,5 metros, ter braços de apenas 1 metro, bem desproporcional.

No entanto, estudos recentes comprovam que mesmo sendo tão pequenos, os braços dos dinossauros eram essenciais na hora de caçar ou se defender. Pois, embora possuíssem apenas um metro, os braços tinham ossos fortes que podiam fazer cortes graves. Desse modo, supõe-se que esses braços desempenhavam papéis importantes, embora não parecesse.

Além disso, durante o século 20, foram encontrados os primeiros fósseis de tiranossauros, os quais foram catalogados na América do Norte. Nessa época, os cientistas achavam que os braços dos dinossauros eram totalmente inúteis. Segundo os primeiros estudos, eles concluíram que os braços haviam atrofiado por causa do desenvolvimento da mandíbula, da qual resultava em diversos danos. Sendo assim, veja a seguir algumas conclusões sobre o motivo dos braços dos dinossauros serem tão pequenos.

Publicidade
Porque os Dinossauros Tinham Braços Curtos

Os braços podiam ser usados para defesa

Posteriormente, foram feitas diversas análises nos dinossauros, inclusive na estrutura óssea. Com isso, foi descoberto que os braços dos dinossauros poderiam facilmente picotar qualquer uma de suas presas, como uma arma afiada. Além do mais, também foi observado o fato deles possuírem somente duas garras em cada braço. Desse modo, concluiu-se que provavelmente um corte feito com aquelas garras seriam bem mais profundos e mortais do que se eles tivessem mais.

Além disso, é válido ressaltar que o T-Rex, uma das espécies mais conhecidas de dinossauros, viveu há cerca de 65 milhões de anos. O mesmo é visto como um dos carnívoros maiores que existiram na Terra. Além do mais, foram encontrados exemplares de fósseis encontrados pesando cerca de 5 toneladas.

Portanto, alguns cientistas dizem que a maior arma do T-rex era a sua mandíbula poderosa. E, mesmo que os braços fossem de fato uma arma, eles vinham em segundo plano. Pois, estudos feitos simulando a mordida do dinossauro tinha força suficiente para esmagar totalmente as suas presas. Sendo assim, os braços seriam consequentemente desnecessários para se defender.

Publicidade

Os braços pequenos ajudavam a se alimentar em grupo

Além disso, outros estudos feitos pelo cientista Padian, acabaram chegando a outras conclusões. Então, ele parou de se questionar para que serviam os braços e começou a se questionar para que não serviam. Então, ele passou a imaginar como braços muito grandes poderiam atrapalhar os dinossauros.

Sendo assim, partindo do princípio que as caças da espécie eram feitas em grupo, os braços curtos facilitariam na hora de comer. Nesse sentido, se alimentar em grupo, com animais de grandes crânios amontoados, onde todos estariam dividindo a mesma caça poderia ser um desastre se os braços fossem grandes.

Provavelmente, a luta pelo alimento seria ainda maior e poderiam ocorrer atritos involuntários com seus membros superiores. Por isso, os braços curtos evitariam que uma catástrofe na hora de se alimentar ocorresse. Desse modo, a natureza o fez adaptado para esse momento.

Os braços curtos dos dinossauros ainda são um mistério

Por fim, atualmente, o motivo dos dinossauros terem braços tão curtos ainda é um mistério. Pois, não há como ter certeza de qual real motivo dos animais extintos terem nascido dessa forma. Por isso, até o momento só existem teorias acerca do assunto, além de não se saber se os braços foram ficando pequenos ao decorrer do tempo. Mas, o que se sabe é que a mandíbula já era uma arma e tanto para os dinossauros se defenderem de possíveis inimigos ou para caçar.

Publicidade