Carregando...

Como Receber Vale Gás.

Publicidade

Nesse post, você vai descobrir como receber Vale Gás e conferir muitas outras informações sobre esse benefício que ganhou destaque no último ano.

Em suma, a medida foi uma maneira do Governo suprir a necessidade pelo gás de cozinha, já que famílias mais pobres estavam encontrando dificuldades para comprar. Vale lembrar que, com a pandemia do Covid-19, o preço dos produtos aumentaram, incluído de itens básicos, gerando uma série de queixas, fome e problemas.

Desse modo, a cesta básica encareceu junto com o gás, que ultrapassou a margem de R$ 200 em alguns Estados. Então, confira como receber o vale gás.

Publicidade
Como Receber Vale Gás
Vale gás (Imagem: Google)

Como Funciona o Programa Vale Gás?

O Vale Gás foi direcionado há mais de 5,60 milhões de famílias, um número que vem crescendo decorrente da economia. Esse projeto foi implementado no final de 2021 e direcionado para as famílias mais vulneráveis. Dessa forma, trata-se de um recurso bimestral, ofertado a cada dois meses, para a compra do gás de cozinha.

Neste caso, o valor é de 50% do preço médio dos botijões de 13kg. Inclusive, diversas medidas vêm sendo adotadas para evitar que as empresas superfaturem em cima do produto. Como o valor do botijão não está estável, a ANP avalia o valor médio todos os meses, fazendo com que o benefício também possa ter alternações.

Até 30 de junho de 2022, o valor bimestral do benefício foi de R$ 53. O benefício está regulamento pela Lei nº 14.237, novembro de 2021 bem como pelo Decreto nº 10.881 de dezembro de 2021.

Publicidade

Como Receber o Beneficio Vale Gás.

Se você ainda não sabe como receber Vale Gás, saiba que tudo começa com o Cadastro Único.

Basicamente, esse cadastro é o que regulamenta e garante que todos os órgãos responsáveis tenham acesso a todas as informações dos usuários e a garantia do recebimento dos benefícios. Sendo assim, para receber qualquer benefício Governamental, você precisa fazer o CadÚnico.

Até o momento, uma grande parte dos brasileiros que recebem o Auxílio Brasil já estão recebendo o Vale Gás. E, se você atrasou o pagamento do IPTU, confira aqui como fazer o parcelamento e regularizar a sua casa.

Requisitos Para Receber Vale Gás.

Para receber o benefício, os requisitos a serem cumpridos são: inscrever-se no CadÚnico; ter uma renda per capita de até meio salário-mínimo ou renda familiar total menor que três salários-mínimos (sempre atualizados); brasileiros que façam parte do programa de transferência de renda por alguma das três esferas governamentais; possui no núcleo familiar algum indivíduo que receba o BPC.

Por outro lado, devido ao grande número de inscritos, o Ministério da Cidadania lançou os requisitos de prioridade, ou seja, uma lista de famílias brasileiras que devem receber esse benefício antes dos demais.

Sendo assim, são consideradas: famílias com rendas menores, número de integrantes no núcleo familiar, cadastros que tenham sido atualizados e famílias que já recebem o Auxílio Brasil. Dessa forma, o objetivo é atingir principalmente as famílias mais vulneráveis, que estão em situação de pobreza e/ou extrema pobreza.

Como Saber se vai Receber Vale Gás?

O Ministério da Cidadania faz o lançamento de listas das famílias que vão receber o benefício de forma antecipada.

Assim, você pode consultar essa lista usando o seu CPF (do responsável familiar) diretamente no app do Auxílio Brasil. Nesse mesmo app, você saberá qual o valor depositado.

Mas, se preferir, você pode entrar em contato usando os telefones 111, do Atendimento Caixa ou o número 121, o contato do Ministério da Cidadania.

Como é Feito o Pagamento?

O pagamento do Vale Gás usa um dos três canais: Poupança Social Digital, Poupança Caixa Fácil ou Plataforma Social. Vale lembrar que a Poupança Social Digital é aberta automaticamente, podendo ser acessada através do app ou no banco Caixa, para os brasileiros que recebem esses benefícios do Governo.

Além de realizar compras e pagamento usando essa conta, através de códigos de barras e cartão virtual, também pode pedir a transferência. Ou, se quiser, vá até as lotéricas para realizar o saque.

Enfim, as parcelas seguem o calendário do Auxílio Brasil e os valores sempre são depositados nos dez últimos dias de cada mês (lembrando que é bimestral) e seguindo o último número do NIS.

Publicidade